#4ab14a

Nigéria em foco

Quando o assunto é maquiagem, as marcas nigerianas apostam em alta cobertura e longa duração. Não à toa, aos poucos, elas estão dominando o mercado de beleza mundial.

PUBLICIDADE

Se por acaso você, até agora, não conhece a youtuber especializada em beleza Jackie Aina, pare tudo o que está fazendo e vá assinar o canal dela! Quem já acompanha os seus vídeos na plataforma sabe que pode contar com a influencer para resenhas 100% honestas e sem papas na língua. Há 11 anos no YouTube, ela tem um trabalho importantíssimo na indústria ao valorizar e destacar profissionais e marcas capitaneadas por pessoas negras. Nigeriana-americana, Aina está sempre trazendo para o seu canal algumas das marcas que estão bombando na Nigéria, país que, cada vez mais, está em foco quando se fala de maquiagem.

Devido ao clima quente e úmido de lá, as marcas preferem apostar em fórmulas resistentes que fiquem no lugar o dia todo. Com o crescimento do mercado africano de beauté (de acordo com o NPD Group, ele está estimado em € 12 bilhões), as marcas nascidas na Nigéria estão crescendo ao exportar para o mundo todo. Criadas para satisfazer o estilo poderoso e bem marcado que faz a cabeça de quem mora por lá, elas surfam na onda "full glam", popularizada ao redor do globo, principalmente, pelo YouTube. Conheça algumas delas abaixo!



House of Tara

Seria impossível falar de beleza na Nigéria sem citar a marca que abriu caminho para todas as outras antes do hype. Criada em 1998 por Tara Fela-Durotoye, a empresa nasceu de uma urgência: tornar o glamour mais acessível às mulheres nigerianas. Hoje, a advogada e empresária fundadora da House of Tara já ambiciona novos horizontes. Agora, ela quer fazer parte de uma movimentação de reconhecimento da cultura nigeriana no mundo todo. Com mais de 150 funcionários, a marca tem mais de 4 mil representantes na Nigéria. Isso sem contar que, em 2004, lançaram uma linha de produtos dedicada à capacitação de jovens em busca de independência econômica.

PUBLICIDADE


Zikel Cosmetics

Em entrevista ao jornal This Day, de Lagos, uma das maiores metrópoles da Nigéria, o CEO da marca contou a história por trás da Zikel Cosmetics e, principalmente, das bolsas de estudos anuais e mensais de capacitação e empoderamento para a juventude nigeriana: "Eu era bancário, mas, em dado momento, fui mandado embora e tive que dar um jeito de me virar. Agradeço a Deus por estar onde estou e quero ajudar outros a chegarem a esse mesmo lugar. Essas bolsas contam com a mentoria dos maiores maquiadores da Nigéria e garantem um ano de produtos Zikel Cosmetics para quem recebê-las", explica Kelvin Ezike Chinedu. A diversidade é palavra de ordem dentro da empresa, que se compromete em sempre ouvir o que suas clientes têm a dizer e a descobrir onde podem melhorar. A ideia é fazer uma maquiagem que seja ao mesmo tempo popular e ultraprofissional. Missão cumprida!

PUBLICIDADE



UOMA Beauty

Apesar de a UOMA Beauty ter sido criada nos Estados Unidos, Sharon Chuter, CEO da marca, nasceu na Nigéria. E, se tem alguém que está mudando o cenário do mercado de beauté, esse alguém é ela. No ano passado, Chuter criou a hashtag #PullUpForChange no auge dos protestos do movimento Black Lives Matter. O intuito era desafiar as marcas de maquiagem a revelarem a porcentagem de pessoas não brancas em suas equipes. "As pessoas fazem com que a inclusão pareça algo muito grande, muito difícil. Mas a gente só está pedindo que o seu negócio esteja refletindo o que já existe no mundo. E o mundo é diverso. Não dá para montar um time sem pensar em inclusão. É o mínimo", disse em entrevista ao Fashionista. E, como se não bastasse, seus produtos estão entre os queridinhos de boa parte dos maiores influencers de beleza no mundo. O corretivo, inclusive, já virou hit.



Yanga Beauty

Pinças, esponjas, pincéis, batons líquidos, delineadores e até álcool em gel. Flexibilidade é uma das características mais importantes da Yanga Beauty. A fundadora da empresa, Jennifer Lisa Uloko, está interessada em atingir todos os públicos do mercado de beleza. Desde quem deseja uma paleta cheia de tons altamente pigmentados e coloridos até quem procura o hit da casa: o "browlution", um lápis de sobrancelha incrível! Atualmente, eles já têm mais de 100 mil seguidores no Instagram.


Nuban Beauty

Lançada em 2017, a Nuban Beauty tem a missão de ser uma marca premium de beleza na Nigéria. A empresária por trás do projeto é, na verdade, uma pesquisadora cientista médica apaixonada por beleza. Stella Ndelike se juntou à influencer Jane Ogu (que já tinha dez anos de experiência como maquiadora na época) para elevar a Nuban Beauty ao alto panteão das principais labels internacionais de maquiagem. Jackie Aina, por exemplo, é fã dos iluminadores líquidos da marca e também de seus bronzers, que, diferentemente da maioria disponível no mercado, funcionam para diferentes tons de pele negra.


BM Pro MAKEUP

Para além de ser uma das maiores maquiadoras de toda a África, Banke Meshida-Lawal é a CEO da BM Pro Makeup, marca que está entre as mais vendidas da Nigéria. Formada em língua inglesa pela Universidade de Lagos, a empresária sempre amou o mundo dos cosméticos. "Quando eu descobri que era capaz de criar os meus próprios produtos, para a minha própria pele, fiquei chocada. Começamos com 14 itens, hoje temos mais de 200", diz a CEO da empresa, agora multimilionária. Nada mal para quem começou levando a beleza como hobby, não?



Taos Cosmetics

Vanessa Onwughalu estava a fim de se divertir quando montou a Taos Cosmetics. Para eles, a beleza é um jeito de se conhecer, de se expressar, de sorrir mais. Não por acaso, tudo começou quando, ainda criança, a atual diretora criativa da marca se apaixonou pelo batom vermelho Yves Saint Laurent de sua mãe. Percebeu o poder do item e decidiu, ali mesmo, que um dia teria a sua própria linha de cosméticos. A Taos quer mostrar com seu sucesso a potência do produto africano. "Para nós, a beleza é uma arte em que cada um pode ser o seu próprio e requintado Picasso", disse certa vez.