Cadastre-se em nossa newsletter para ler este e outros artigos.

Doses semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas os lançamentos da ELLE!
Inscreva-se gratuitamente.

  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
PUBLICIDADE

O grupo Kering anunciou Liz Johnson Artur como vencedora do prêmio Women in Motion 2021 de fotografia, em reconhecimento ao trabalho da russo-ganense sobre a diáspora africana em todo o mundo.

"Estou interessada nas pessoas – aquelas que não vejo representadas em lugar nenhum", disse Johnson Artur em um comunicado à imprensa. A fotógrafa, que cresceu entre a Bulgária, Alemanha e Rússia, expôs sua série Black balloon archive, no Brooklyn Museum, em Nova York, e na South London Gallery, entre outros lugares.


O prêmio de 25 mil euros faz parte da parceria da Kering (que detém marcas como Gucci e Balenciaga) e o festival de fotografia Les Rencontres d'Arles, com fundos destinados à aquisição de obras do vencedor para a coleção do festival. Inicialmente com o objetivo de destacar o trabalho feminino no campo do cinema, a Women in Motion foi criada em 2015, no Festival de Cannes, e entre os vencedores anteriores dessa categoria, inagurada há dois anos, estão as fotógrafas Sabine Weiss e Susan Meiselas.

Johnson Artur compartilhará seu trabalho, bem como sua visão sobre o papel da mulher na fotografia, na cerimônia de premiação em Arles (França), no dia 5 de julho. "A grande vantagem deste prêmio é que ele destaca trabalhos que nem sempre foram devidamente reconhecidos e nos alerta para o fato de que o reconhecimento de fotógrafas não deve acontecer apenas uma vez por ano", disparou.

PUBLICIDADE


Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE