• ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
Beleza

ELLE Testa: The Cream 230, da Sisley

Uma vez por mês, três membros da redação de ELLE vão testar os itens de beleza mais desejados do mercado e contar tudo sobre a experiência para vocês. Dessa vez, escolhemos o novo produto capilar da marca francesa.

Foto: Bárbara Rossi

Sisley

PUBLICIDADE

Conhecida por seus produtos luxuosos que unem ingredientes naturais à tecnologia, a Sisley desperta desejo em todo mundo que ama beleza. Apesar de a linha de cuidado com a pele ser o carro-chefe da marca, os itens direcionados para o tratamento dos cabelos têm ganhado cada vez mais destaque. Um dos últimos lançamentos é o The Cream 230 (R$ 670), um creme capilar sem enxágue formulado com óleos botânicos e o Complexo 230, nova tecnologia da empresa formada por dois polímeros iônicos. Essa combinação, ao ser ativada pelo calor de ferramentas como secador ou chapinha, forma um micro-gel adesivo que fecha as escamas e faz uma barreira protetora nos fios, ajudando a mantê-los hidratados. A ideia é que, assim, o cabelo fique sedoso, brilhante e com menos frizz. Nós colocamos todas essas promessas à prova e contamos os detalhes aqui.

Bárbara Rossi

elle-testa Mesmo sem usar ferramentas modeladoras de calor, o produto performou bem no cabelo da Bárbara.Foto: Bárbara Rossi

Como cacheada, um dos meus maiores hobbies de beauté é testar produtos sem enxágue que eu possa usar depois de lavar o cabelo. Em geral, eles fazem muita diferença em como meus cachos ficam depois de secos (tanto para o bem, quanto para o mal). Por isso, fiquei muito empolgada em usar o The Cream 230 – também porque já sou fã de vários produtos da Sisley, mas ainda não tinha testado nada da linha capilar. Antes de tudo, preciso dizer que há anos não uso mais nenhuma ferramenta de calor, nem mesmo secador no inverno. Então, fiquei com receio de não ter o resultado máximo do produto, que tem ingredientes que são ativados com temperaturas mais altas. De qualquer forma, botei ele para jogo da forma como eu geralmente uso leave-in: apliquei depois do banho, com os fios ainda úmidos, e deixei eles secarem naturalmente. Primeiro, fiquei completamente apaixonada pelo cheiro que, apesar de intenso, é extremamente fresco e zero enjoativo. Quando seco, o cabelo realmente ficou mais macio e brilhante. Uma das minhas maiores preocupações quando uso um leave-in novo é que ele deixe meus cachos pesados, o que não aconteceu com o The Cream 230 – ao contrário disso, eles ficaram bem soltinhos, do jeito que eu gosto. Aliás, no day after, achei que o cabelo ficou ainda mais lindo, o que é uma baita vantagem! Vou dizer que gostei tanto do resultado que, por enquanto, vou aposentar todos os outros produtos que eu estava usando e aproveitar muito esse da Sisley.

PUBLICIDADE

Ísis Vergílio

elle-testa A praticidade do finalizador está ajudando Ísis a se acostumar com os novos cabelos longos.Foto: Ísis Vergílio

Por muito tempo, eu usava meu cabelo raspado zero. Há dois anos, no entanto, parei de fazer isso e estou na saga de deixá-lo crescer. O isolamento social foi um dos fatores que me estimularam a entrar nessa, mas, não vou negar, a ideia de ter que voltar a cuidar dos cachos (do jeito que eles merecem) me deixava bem cansada. Não à toa, logo que ele cresceu o suficiente para colocar tranças, eu investi nelas. Foi só quando cortei meu cabelo com o maravilhoso Wilson Eliodorio que o jogo virou para mim. Ele me deu dicas preciosas e práticas de como finalizar o meu cabelo e me sugeriu o uso do difusor para um resultado de maior impacto. Foi aí que fiz as pazes com meu cabelo de novo. E isso implica que ele está sempre sofrendo a ação do calor e, nesse sentido, o The Cream 230 foi fundamental. Não concentrou o produto nos fios, não pesou, não endureceu… Senti que ele conseguiu preservar a maciez e o brilho do meu cabelo. Fiquei muito satisfeita!

PUBLICIDADE

Gabriel Monteiro

elle-testa Gabriel achou o resultado bem natural e adorou o cheiro do The Cream 230, da Sisley.Foto: Gabriel Monteiro

Eu não uso muito secador de cabelo e este produto é justamente ativado pelo calor. O que eu fiz nesses tempos foi secar os fios de longe com uma temperatura quentinha. E, de fato, o efeito é muito bom. Já expliquei aqui algumas vezes como eu tenho bastante cabelo, como ele é volumoso, seco e com uma facilidade enorme para o frizz. E o The Cream 230, da Sisley, controla bem tudo isso, na medida do possível. Tanto, que eu parei de usar pomada modeladora nessas últimas semanas para ficar apenas com ele. E isso foi muito bom, porque é aquele efeito de cabelo mais definido e com cara de hidratado, só que nada duro, ou com aparência de muito produto nos fios. O resultado é bastante natural e eu acredito que a textura em creme (e não superoleosa) seja responsável por isso. Ah! Outro fator positivo é o cheirinho. Eu, que adoro um produto perfumado, fiquei viciado em seu aroma. Algum ponto negativo? Bem, meu ascendente é capricórnio, aquele signo conhecido por ser um pouco mão de vaca, então preciso confessar que o investimento é, sim, um pouco alto. Ainda mais se, como no meu caso, você tiver muito cabelo e precisar usar bastante produto. Se esse não for um problema para você, coloque logo ele no seu carrinho.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.