• ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI

sherri laurence

PUBLICIDADE

Dos visuais superelaborados até aqueles que apenas ressaltam a beleza natural das personagens na televisão, a maquiagem tem ganhado um espaço cada vez mais importante nas telinhas – e Sherri Berman Laurence sabe bem disso. A beauty artist estadunidense trabalha há mais de 20 anos atrás das câmeras e já foi nomeada ao Emmy sete vezes – das quais arrematou três: um por The Normal Heart (2014), outro por Fosse/Vernom (2019) e, mais recentemente, pelo trabalho explêndido em Pose (2021).

Ao lado da HBO, seu projeto mais atual era um desafio sem proporções: trazer de volta à vida as tão queridas personagens da antiga Sex And The City, no reboot And Just Like That..., deste ano. Em um bate-papo com a ELLE Brasil, Sherri conta mais sobre a sua trajetória até aqui e revela os segredos da beleza criada nos backstages das maiores produções televisivas que participou.

Como sua carreira na beleza começou?

Faço cabelo e maquiagem desde os quatro anos de idade. Essa era a minha coisa favorita de fazer enquanto crescia. Minha mãe era uma cabeleireira incrível e eu passei anos da minha vida em seu salão varrendo cabelo do chão – e, para desgosto dela, dizendo o que ela deveria fazer com o visual de seus clientes! Quando eu era adolescente, comecei a fazer maquiagem e cabelo de todo mundo para eventos e foi aí que tudo realmente começou. Porém, acabei indo para a faculdade de televisão e cinema, e nunca tive nenhum treinamento formal em beleza. Comecei minha carreira no audiovisual em outras áreas, também atrás das câmeras. Só após vários anos tomei a decisão de ir em direção ao que é hoje o grande amor da minha vida: me tornei maquiadora.

PUBLICIDADE

E como você acabou trabalhando em programas de TV?

Um dos trabalhos que tive quando ainda não estava na área da beleza, foi um programa de televisão como assistente de produção. Nele, conheci os incríveis maquiadores James MacKinnon e Stephanie Fowler. Depois que o programa terminou, eles me ajudaram a montar meu kit de maquiagem. Daquele ponto em diante, sempre que eu recebia uma ligação para qualquer função na produção fora do departamento de beleza, eu educadamente recusava, mas me oferecia para ajudar o maquiador da produção de graça. Isso me levou a conhecer outros profissionais da indústria e ser contratada por eles.



Como é o seu processo criativo? Como você começa a criar um visual para um personagem?

PUBLICIDADE

O processo de preparação para uma série de TV, especialmente para uma que seja nova, começa esmiuçando os roteiros e personagens. Depois, crio quadros de inspiração do que eu acho que o personagem deveria ser, e tudo evolui a partir daí. Há muitas conversas com criadores, showrunners, figurinistas, os próprios atores e diretores para ter uma noção do que eles veem para os personagens também. Fazemos testes de câmera antes do início das filmagens para ver como cada personagem ficará, o que funciona e o que não funciona, e fazemos ajustes a partir daí até ficar tudo perfeito.

Quem mais te inspira na indústria da beleza?

Honestamente, há tantas pessoas na indústria que eu admiro, mas quem mais me inspira é a minha própria equipe! É uma colaboração tão bonita e tenho a honra de trabalhar com tantos artistas incríveis. Eles são maquiadores excepcionais e eu aprendo com eles todos os dias. Nicky Pattison Illum tem sido minha mão direita por mais de 12 anos, inclusive em Pose, e eu não poderia ter feito nada do que fiz sem ela. Bridget Ritzinger foi minha maquiadora parceira em And Just Like That… e ela ajudou a fazer da beleza da série tudo o que ela é! Outros maquiadores incrivelmente talentosos que fizeram parte da minha equipe são Jai Williams, Charles Zambrano, Jennifer Green, Jessica Padilla, Jen Suarez, Amy Duskin, Lucy O'Reilly, Dawn Tunnell, Chris Milone e Deja Smith.

PUBLICIDADE

Você assinou a beleza Pose e suas criações ganharam muito destaque. Como foi trabalhar neste projeto?

Pose foi diferente de qualquer outro trabalho. Trabalhar com o Ryan Murphy é um sonho. Não há limite para a criatividade e ele abre muito espaço para que isso aconteça e, inclusive, pede por ela. Tivemos muita sorte de poder fazer uma série onde tem de tudo – desde looks de salão, fantasias e beleza, até pessoas que vivem e morrem de AIDS. Isso incentivou a mim e à minha equipe a sermos melhor maquiadores do que imaginaríamos que poderíamos ser. Foi de longe o trabalho mais desafiador e criativo de toda a minha carreira, e também o que mais mudou minha vida. Aprendi muito sobre mim mesma como artista, líder e, mais importante, como pessoa neste mundo. Foi uma honra desempenhar uma pequena parte nessa representação da comunidade LGBTQIA+, do passado e do presente. Definitivamente, este foi mais do que um trabalho.

Qual a diferença dos trabalhos realizados em Pose e And Just Like That…?

Ambas as séries exigiram muito trabalho, porque contaram com elencos muito grandes e com mulheres que tinham looks muito glamourosos. Pose era uma série de época com maquiagens fantásticas, então às vezes éramos chamados para trabalhar seis horas antes do primeiro membro da equipe chegar só para criar esses looks. E And Just Like That… é um show atual, mas com um nível de expectativa muito alto e novamente, sempre glamouroso. Então, mesmo que os shows fossem muito diferentes, ainda existem muitas semelhanças.

Você sentiu a pressão de trabalhar em uma série com personagens tão icônicos e com uma quantidade enorme de fãs?

Sim! Me senti muito pressionada em corresponder às expectativas que eu sabia que os fãs teriam – assim como eu mesma tinha como fã desse universo! Quando recebi a ligação para trabalhar na série, fiquei muito chocada. Sex And The City é um dos meus programas favoritos de todos os tempos e foi uma honra ser considerada para participar dessa nova etapa da série. Lembro-me do primeiro dia de filmagem e de ver Sarah Jessica Parker (ela tinha sua própria equipe de maquiagem e cabelo, comandada por Elaine Offers e Serge Normant) entrar em nosso trailer com maquiagem completa, cabelo e figurino pela primeira vez, e pensei comigo mesmo: “Lá está Carrie em toda a sua glória!”. A faísca ficou ainda mais alta a partir desse momento!

"Foi de longe o trabalho mais desafiador e criativo de toda a minha carreira, e também o que mais mudou minha vida. Aprendi muito sobre mim mesma como artista, líder e, mais importante, como pessoa neste mundo", Sherri Laurence sobre Pose.

A série celebra o envelhecimento. Como isso afetou seu trabalho?

Eu, como uma mulher de mais de 50 anos, adoro que o programa celebre o envelhecimento e a beleza que existe nele. Há várias coisas que você pode fazer para realçar a beleza natural de uma mulher madura. Dar brilho à pele e usar produtos cremosos com acabamento mais natural, ajudam a dar uma aparência mais jovem. Também realçar os lábios de forma natural é uma obrigação. Criar diferentes formatos nos olhos, que vão para fora e para cima, com sombras e delineadores, pode ajudar a levantar o rosto em vez de baixá-lo.

De todos os shows em que você trabalhou, você tem um visual favorito?

Honestamente, eles são todos tão únicos, mas Pose provavelmente teve os mais criativos. Quase todos os episódios que filmamos tinham algo especial para lembrar, como o baile "Once upon a time", na 3ª temporada. Fizemos aplicações à mão para o rosto e recriamos nossas próprias versões de alguns dos personagens de contos de fadas mais icônicos conhecidos.

Para encerrar, o que a beleza significa para você?

Do ponto de vista da maquiagem, beleza é o que faz uma pessoa se sentir bonita. Adoro realçar o que já está lá e ver uma pessoa sorrir quando se olha no espelho depois de terminar. A maquiagem é uma ferramenta poderosa para dar confiança a alguém dentro e fora da tela.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.