Cadastre-se em nossa newsletter para ler este e outros artigos.

Doses semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas os lançamentos da ELLE!
Inscreva-se gratuitamente.

  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
Moda

Arezzo & Co. compra a marca Carol Bassi

Depois de adquirir a etiqueta de streetwear BAW, grupo de Alexandre Birman avança na moda feminina.

Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

O Grupo Arezzo segue expandindo sua presença na moda. Depois de adquirir a BAW Clothing, voltada para o streetwear, a holding anunciou, nesta terça-feira (30.11, a compra da grife Carol Bassi por 180 milhões de reais — marcando a primeira incursão da empresa no segmento feminino.

A marca, que leva o nome de sua fundadora, estreou no mercado em 2014 e conta com duas lojas, uma em São Paulo e outra no Rio de Janeiro. Juntas, ela somam R$ 3,5 milhões de faturamento mensal. Com 320 mil seguidores no Instagram, a etiqueta tem ainda uma forte comunidade digital. Só no WhatsApp, são 55 grupos de vendas e relacionamento, atingindo cerca de oito mil consumidoras.


"A experiência e o engajamento das consumidoras refletem o poder da empreendedora-influenciadora em gerir seu negócio com maestria. E nos dá pista de para onde a marca irá", escreveu Alexandre Birman, CEO da Arezzo & Co, em comunicado à imprensa. O executivo vê ainda algumas similaridades em suas trajetórias. “Nasci e cresci numa fábrica de sapatos, Carol fazia lição de casa e brincava entre rolos de tecido, na oficina de costura da marca criada por seus pais”, escreveu Birman, em comunicado à imprensa. A empresária é filha dos donos da empresa Guaraná Brasil, e ganhou reconhecimento no mercado de moda quando lançou seu casaquete de tricôt, em 2015.

PUBLICIDADE

“Fazer parte da Arezzo&Co vai nos trazer a estrutura que precisamos para acelerar nosso crescimento, mas mais do que isso, o que nos encantou foi a sinergia com Alexandre e Rony, assim como eu e o Caio, meu marido e sócio, eles têm paixão pelos negócios que construíram, é uma conexão de alma. Estou muito feliz com o que vamos criar juntos a partir daqui”, diz Carol em comunicado à imprensa. Ela continua à frente da marca, e se torna acionista da Arrezo&Co.

Sobre os planos futuros, estão novas lojas pelo país – de 15 a 20 –, o lançamento de um canal de e-commerce próprio a a expansão para outras áreas, como calçados e acessórios.

“Carol criou um grande negócio que ao mesmo tempo parece ser a melhor amiga de suas consumidoras. Já não se sabe mais onde começa a influenciadora e termina a marca, onde começa a loja e termina a casa. Carol usou a digitalidade para criar um lugar não apenas para onde as clientes mais vão, mas principalmente para onde as clientes mais voltam”, pontua, Rony Meisler, CEO AR&Co, braço de lifestyle e vestuário do grupo.

PUBLICIDADE
Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.