Pigmentocracia e skincare

Produtos com nomes como "clareador" ou "branqueador" começam a sair do mapa em alguns países, mas a pergunta continua: por que quem tem a pele escura ainda precisa lidar com microagressões coloristas no universo do skincare?

PUBLICIDADE
Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE