PUBLICIDADE

Na sexta-feira (4.12), estreou na Netflix Selena: The Series. A produção, que conta a história de um dos maiores ícones da música latina, foi criada por Moisés Zamora, roteirista ganhador do Emmy por American Crime, com consultoria de Don Todd, produtor executivo de This Is Us.

No papel principal está a atriz Christian Serratos, conhecida por The Walking Dead. Ela é grande fã de Selena e confessou ter enviado diversos testes insistindo para ser escolhida para interpretar a personagem. Ricardo Chavira, Gabriel Chavarria, Noemi Gonzalez e Seidy Lopez são alguns outros nomes que compõem o elenco.

Mas se você não conhece a história de Selena, pode estar se perguntando por que fizeram uma série sobre ela. Neste texto você vai descobrir alguns motivos.

A HISTÓRIA DE SELENA QUINTANILLA

Selena Quintanilla usa vestido branco com brilho e batom vermelho no Grammy de 1994

Selena Quintanilla no Grammy de 1994

Getty Images

Selena Quintanilla-Pérez cresceu no Texas, onde cantava com seus irmãos em uma banda administrada por seu pai. No começo da carreira, o repertório era composto por sucessos na língua inglesa até que o patriarca da família percebeu que os filhos alcançariam o sucesso se cantassem para a comunidade latina. E ele estava certo. Foi assim que a cantora chegou ao topo da parada mexicana da Billboard, se manteve por lá durante oito meses consecutivos com o álbum Entre a Mi Mundo e conquistou o Grammy de Melhor Álbum de Música Latina, em 1994.

Sua trajetória de sucesso, porém, foi interrompida em 1995, aos 23 anos, quando foi assassinada pela sua sócia e presidente de seu fã clube. Apenas dois anos depois da trágica morte, foi lançado um longa sobre sua vida, estrelado por Jennifer Lopez, intitulado Selena. O filme estreou em segundo lugar nas bilheterias nos Estados Unidos, se tornou o mais assistido nos cinemas do México naquele ano, além de render uma indicação a Jennifer Lopez no Golden Globe Awards de Melhor Atriz de Comédia ou Musical e uma indicação de Melhor Trilha Sonora no Grammy.

Jennifer Lopez veste look branco em filme sobre Selena Quintanilla

Jennifer Lopez no filme de Selena

Divulgação

SELENA: UM ÍCONE FASHION

Selena sempre teve uma relação muito forte com a moda. No começo da carreira, era ela – acompanhada da irmã mais velha e da mãe – a responsável por planejar e executar todos os looks da banda. Com poucos recursos, elas criavam visuais que se destacavam pelo brilho e estampas.

Na série, vemos as três desenhando, escolhendo materiais e costurando peças para os shows. Em muitos diálogos fica claro que o estilo era usado como forma de expressão e de impulsionar a carreira da cantora.

Com a chegada da fama, os looks da "rainha do tejano" ficaram ainda melhores. Ela se consolidou como referência na moda latina e ficou conhecida pela coleção de tops, modelagens justas, tecidos brilhantes e o batom vermelho que virou sua assinatura. Até hoje, seus looks são inspiração para muitas mulheres, principalmente latinas, incluindo celebridades como Demi Lovato, Selena Gomez e Becky G.

INVESTINDO NO FIGURINO

Sabendo da enorme paixão da cantora pela moda, o figurino da série precisava de uma atenção maior. Essa tarefa ficou nas mãos da mexicana Adela Cortaza, que recorreu aos registros da época para tentar reproduzir o visual da artista. A figurinista buscou alternativas para representar a complexidade de Selena e suas mudanças de estilo ao longo dos anos. Foram necessários 50 looks para isso.

"Ela está encontrando sua identidade. É por isso que você vê Selena mudando tanto sua aparência no início até encontrar a Selena que ela quer ser", disse Cortaza em entrevista à The Oprah Magazine.

Ela ainda revelou que teve dificuldade na hora de recriar o famoso macacão de lycra glitter magenta, usado em Houston Astrodome, em 1995. "O tecido desse macacão é um dos mais procurados. É uma lycra que não é mais produzida."

Selena Quintanilla com o famosos macac\u00e3o de lycra glitter magenta, usado em Houston Astrodome, em 1995 Selena Quintanilla com o famosos\u00a0macac\u00e3o de lycra glitter magenta, usado em Houston Astrodome, em 1995 Getty Images

Além dos looks da protagonista, o figurino traz a estética das décadas de 1980 e 1990, com algumas roupas que vieram de lojas vintage e outras que foram feitas especialmente para a produção da Netflix. Ao todo, foram criadas mais de 600 peças exclusivas para a série.

SEU LEGADO CONTINUA VIVO

Após 25 anos da morte de Selena Quintanilla, sua história continua encorajando muitas mulheres. A intérprete de "Como La Flor" abriu caminho para outras artistas na indústria musical e se tornou símbolo de representatividade latina.

Como Demi Lovato, que já declarou que se identifica muito com a história familiar da cantora, Selena Gomez, que teve o nome escolhido em homenagem à Quintanilla, e Jennifer Lopez, que a interpretou nos cinemas e revelou que este trabalho transformou sua vida. Agora, através da série, uma nova geração de mulheres poderá conhecer e se inspirar na trajetória de Selena.


Selena: The Series | Official Trailer | Netflix www.youtube.com




Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE