Moda

A parceria da Sacai com o artista visual Hank Willis Thomas

Hank Willis Thomas foi o responsável pelo nome da coleção de Resort 2021 da Sacai, a Love Over Rules. A colaboração mostra como é possível quebrar regras de gênero e falar de amor de uma forma fluída e verdadeira na moda.

Divulgação Sacai
PUBLICIDADE

A Sacai não é um nome novo na moda, mas todas a vezes que aparece nos traz outros olhares e possibilidades sobre como experimentar com as roupas. Dona da desconstrução, Chitose Abe, diretora criativa e fundadora da marca, sempre bateu de frente com a questão de gênero por meio de suas criações. Ela nos faz entender que feminino e masculino talvez não devessem mais ser uma regra dentro dos códigos do vestuário.

Devido à pandemia da Covid-19, a estilista não conseguiu viajar de Tóquio para Paris, onde aconteceu a apresentação da coleção resort 2021 da marca, no dia 11 de agosto. Mas isso não diminuiu em nada suas ideias. Uma delas é a colaboração com o artista visual Hank Willis Thomas, homem negro nascido em New Jersey, nos EUA, que hoje vive e trabalha no Brooklyn, em Nova York.

Hank é um artista conceitual que trabalha principalmente com temas relacionados à perspectiva, identidade, mídia e cultura popular. Seus trabalhos já foram exibidos no International Center of Photography de Nova York, no Museu Guggenheim de Bilbao, na Espanha, no Musée du quai Branly, em Paris, no Centro de Artes de Hong Kong e no Centro de Arte Contemporânea Witte de With, na Holanda.

PUBLICIDADE

Em parceria com Abe, na Sacai, foi ele o responsável pelo nome da coleção: Love Over Rules (Amor Acima de Regras, em tradução livre). A frase é o nome de uma das obras mais antigas de Hank: uma instalação dedicada a seu primo, morto repentinamente em 2000. É também forte indicativo de como as relações humanas devem ser pautadas daqui para frente.

Abe já acreditava nessas palavras bem antes da Covid-19 tomar o mundo. Para ela, independentemente da sua cor, gênero, cultura e classe, o amor prevalece sempre. Devido às limitações impostas pela pandemia, ela criou suas peças em sua casa. Isso fez com que ela conseguisse pensar melhor sobre o que mais amava de suas coleções passadas.

Em um filme que retrata bem o fluxo de um set de fotos ou filmagem, com pessoas correndo para lá e para cá, catering, modelos se maquiando, outras sendo fotografadas, surge também uma interação afetiva. Ao longo do vídeo, todos os profissionais aparecem devidamente protegidos contra o novo coronavírus, um claro sinal da importância em cuidarmos da saúde uns dos outros.

E falando de moda, podemos ver que, nessa coleção, a Sacai traz formas geográficas estampadas, bombers, sobretudos, camisas havaianas, calças, casacos de ganha, leggings e o tênis da parceria da marca com a Nike. Um mix de shapes sempre muito fluido, que já é a marca registrada da grife.

PUBLICIDADE

No fim, Abe nos mostra que nos limitamos ao que queremos nos limitar quando falamos sobre moda. A estilista trabalha com construções híbridas, muitas vezes customizáveis. Poderia ser uma abordagem complexa, mas não é. É sempre pensada em vestir pessoais reais. A estilista trabalha essencialmente com o conforto por meio da fluidez em shapes adaptáveis a qualquer tipo de corpo. Em resumo, as possibilidades existem, basta entender se todos querem seguir na mesma linha.

View Slideshow


Desfiles digitais de alta-costura e das semanas de moda masculina apontam novo caminho para uma comunicação mais abrangente e acessível.



Seria o fim do streetwear na moda? Apesar das falas e previsões apocalípticas, é praticamente impossível que o lifestyle vá embora tão cedo – ainda que ele venha se transformando nos últimos anos.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE VIEW, A REVISTA DIGITAL DA ELLE BRASIL