Cadastre-se em nossa newsletter para ler este e outros artigos.

Doses semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas os lançamentos da ELLE!
Inscreva-se gratuitamente.

  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
Moda

Como incluir a meia-calça no seu look pode ser transformador

Preta, colorida, arrastão, rendada... Não faltam modelos para compor looks riquíssimos tanto no inverno quanto em outras estações. Saiba mais sobre os principais tipos e entenda como usar.

Foto: Edward Berthelot / Getty Images
PUBLICIDADE

Geralmente é naquele momento, quando chega o frio e não queremos abrir mão das saias e vestidos, que a maioria das pessoas tira as meia-calças do armário. É verdade que elas são um recurso maravilhoso para manter o corpo aquecido, porém também funcionam com um excelente acessório para trazer mais informações ao look, defende Carol Caliman, sócia-fundadora da consultoria Assinatura de Estilo.

"Pode ser de maneira discreta ou inusitada, contribuir para a sofisticação ou trazer ousadia. São diversos os efeitos, mas o fato é que inclui-las na produção vai sempre comunicar alguma coisa", diz. Tudo depende do modelo escolhido e da forma como é coordenado com os outros elementos, como roupas e calçados. "Acho que a gente usa pouco a meia-calça. Ela tem um potencial incrível, assim como uma blusa ou uma saia. Nós é que exploramos pouco esses recursos", avalia a especialista.

Para muito além da lisa na cor preta, existe todo um universo infinito de possibilidades: feitas de lurex, com strass colado, estampadas, com desenhos incrustados na trama e por aí vai. No entanto, o foco aqui são as mais tradicionais, que ainda assim ganham pouco espaço nos armários e nas ruas. A seguir, Carol dá alguns caminhos para compor seu visual com esse acessório.

PUBLICIDADE

Meia-calça preta

Mulher usando meia-calca preta com vestido preto e blusa verde neon

Edward Berthelot / Getty Images

A mais comum entre as meia-calças não é necessariamente a mais básica, mas tende a ornar com facilidade com os outros elementos da produção, por isso faz tanto sucesso. "A gente veste muito preto, principalmente no frio, então, as meias nesse tom acabam sendo mais fáceis de encaixar no look", comenta Carol.

Essa popularidade também está ligada ao fato de que o grande drama de quem usa esse acessório é coordená-lo com o sapato, aponta a consultora de estilo. "Como, no geral, as pessoas dão preferência aos calçados pretos, optar por uma meia-calça na mesma cor ajuda a criar uma unidade visual, sem quebrar a silhueta", analisa.

De qualquer maneira, mesmo esse sendo o caminho mais seguro, não é o único possível. "Você tem que avaliar qual impacto quer causar", orienta a especialista. Se a ideia é fazer os olhares se voltarem para você, a dica é apostar em cores claras ou vibrantes, como o branco e o vermelho, respectivamente. Já para uma pegada mais discreta, Carol sugere tons mais sóbrios, como o bordô, o azul-marinho e o verde-militar.

Meia-calça nude

Kate Tik de meia-calca nude e vestido brilhante

Kirstin Sinclair / Getty Images

Atualmente usada por quem quer uniformizar o tom da pele ou dar uma amenizada no frio sem adicionar um novo elemento ao look, as meia-calças nudes foram consideradas uma formalidade por bastante tempo. "Antigamente, muitas mulheres não usavam saias se não fosse com esse acompanhamento. Era uma forma de cobrir as pernas sem cobrir", relembra a consultora de estilo.

Por ser item quase invisível, ele quase não influencia na mensagem geral do visual, mas, de certa maneira, ainda traz um toque conservador, principalmente se usado em dias quentes e amenos. Inclusive, esse é um dos protocolos reais da família britânica – pode reparar que Kate Middleton nunca faz aparições públicas com a perna totalmente de fora.

"Agora, se for uma meia-calça no mesmo tom da sua pele, mas com alguma textura, como arrastão ou renda, pode ser um jeito de trazer uma nova informação", diz Carol. Dessa maneira, cria-se um desenho sobre a pele, mesmo que de maneira mais discreta, que enriquece sutilmente a produção.

Meia-calça colorida

Susie Lau de meia-calca vermelha

Pierre Suu / Getty Images

Vista uma meia-calça colorida e instantaneamente transmita com o seu look uma mensagem de criatividade. "Quantas pessoas você vê assim? É mais raro, por isso reflete ousadia, inovação. Fica claro que você está ali para impactar de alguma maneira", pontua Carol.

Se quiser ter facilidade para coordenar com roupas e sapatos, a consultora de estilo indica apostar em tonalidades mais fechadas, como o vermelho bordô e o azul-marinho ou em nuances de cinza. "Segue sendo marcante e inesperado, mas de uma maneira menos enfática."

No entanto, com a moda vivendo um momento de celebração aos tons vibrantes, quem gosta de passar uma imagem divertida pode se expressar cobrindo as pernas com as mais diversas cores. Aliás, seja qual for a intensidade de sua preferência, esse tipo de meia-calça é excelente para criar looks monocromáticos e color block.

Meia-calça fina 

meia calca

Arturo Holmes / Getty Images

Sempre que for comprar uma meia-calça, é importante conferir na embalagem o número de fios. São consideradas finas as que vão do 7 a 20. Por serem mais transparentes, essas são muito usadas por quem quer empregar uma dose de sensualidade à produção.

"É aquela história de mostrar a pele sem de fato mostrar", comenta a consultora de estilo. Quase uma provocação – não é à toa que o peso das peças é similar ao das lingeries.

Essas também são as preferidas para compor looks de festa, já que são bem delicadas, mas também vão bem com tênis e roupas informais. Vai do gosto pessoal de cada um! O ponto negativo é que costumam rasgar com mais facilidade, então, tem que usar sem muito apego.

Meia-calça grossa

Caroline Vazzana de meia-calca roxa grossa

Bryan Bedder / Getty Images

É só a partir do fio 40 que as meia-calças realmente são eficazes para se proteger do frio, por terem a trama mais fechada. Elas podem ir até o fio 150, mas uma 80 já basta para o inverno brasileiro, mesmo nos dias mais rígidos. "E é possível usar como camada intermediária sob a calça, em temperaturas baixas, sem dar volume ao look", sugere Carol.

Como acessório, as grossas marcam mais presença que as finas. Elas estão ali, delineando toda a perna, e não podem ser ignoradas. Aproveite para explorar isso na sua produção. Porém, se preferir, a consultora de estilo garante que dá para criar também visuais não tão casuais. "Para mais sofisticação, a dica é pesar em outros itens de formalidade, como pouca variação de cor, peças em alfaiataria, sapato de bico fino e afins".

Meia-calça arrastão

meia calca arrastao

Julien M. Hekimian / Getty Images

Tradicionalmente, a meia-calça arrastão também é considerada sexy. "Ela sempre foi muito ligada ao universo fetichista, mas de uns tempos para cá, ganhou um quê de modernidade", comenta a especialista. "Há algumas temporadas, ela foi bastante usada por debaixo da calça jeans rasgada, por exemplo, deixando claro que é um acessório para além da sensualidade pura e simples", relembra.

Com isso, a arrastão também deixou de ser vista como estritamente noturna, sendo cada vez mais observada à luz do dia em quem adora visuais ricos em informação. Inclusive, por aqui, é muito usada no carnaval de rua como elemento criativo para enfeitar ainda mais o corpo – em preto, nude e vermelho, principalmente.

Meia-calça rendada

meia-calca rendada

Gisela Schober / Getty Images

Para ir além, que tal uma meia-calça que sozinha conta uma história? Nesse caso, as rendadas são a escolha certeira. "Ela traz um impacto visual importante, como uma tatuagem que engloba toda a perna. É um acontecimento", pontua Carol. Coordenada com um look todo preto, vira a estrela da produção, o ponto focal.

"Mas se você é uma pessoa que gosta de chamar a atenção, se joga. As meia-calças rendadas são perfeitas para criar outras texturas, brincar com cor, sobrepor uma meia lisa...", sugere. O importante é não esquecer de que a renda por si só comunica muita coisa.

Mais looks com meia-calça

Christian Vierig / Getty Images

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE