Cadastre-se em nossa newsletter para ler este e outros artigos.

Doses semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas os lançamentos da ELLE!
Inscreva-se gratuitamente.

  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
PUBLICIDADE

No quarto encontro do #Movimento recebemos a diretora de sustentabilidade da L'Oréal Brasil, Maya Colombani para um papo sobre as iniciativas sustentáveis da marca e as ambições para o futuro. Expert na área, ela compartilhou a sua paixão e convicções para a sustentabilidade e sobre o impacto social positivo nessa busca pela reconexão com o meio ambiente.

Segundo Colombani, sustentabilidade não é uma questão de perfeição e sim uma busca para ter um impacto positivo na sociedade. É um processo longo e desafiador para sempre melhorar como empresa e ser humano. Ela também contou sobre todo o caminho que a L'Oréal percorreu para fazer essa diferença na sociedade, para se transformar e integrar a sustentabilidade no centro do negócio

L'Oréal para o futuro

Ao investir cada vez mais na sustentabilidade, a L'Oréal desejar expressar a ideia de que o propósito da marca não é só distribuir produtos de beleza e sim contribuir como uma grande empresa agregando solução para a sociedade.

"Quando observamos a situação atual do planeta, vimos que da maneira como estávamos fazendo negócio e se conectando com as pessoas, não funcionava mais", disse Colombani. "Se mantermos esses níveis de consumo, iremos precisar de três planetas para sustenta-lo".



A ciência alerta para o fato de que estamos chegando no limite do planeta e esse limite de água e de recursos naturais não irá se reverter sozinho. Nosso erro é achar que sempre teremos abundância sendo que todos os recursos do planeta têm um limite. E quando fazemos negócios, temos uma certa arrogância de pensar que o planeta está a nosso serviço, quando é exatamente o contrário. A Terra não precisa de nós, somos nós que precisamos dela. E mesmo com todos os esforços que temos feito até hoje, as temperaturas continuam subindo de maneira exponencial. Esse desequilíbrio gera um impacto direto em nossas vidas.

PUBLICIDADE

Tudo isso mostra o quanto a sustentabilidade é importante. Para a indústria da moda é ainda maior se pensarmos que, para se fazer um único par de jeans são necessários 20 mil litros de água. A moda tem um impacto hídrico gigante em um mundo que hoje enfrenta a falta de água em diversas regiões.

O colapso da biodiversidade está chegando em um caminho sem volta e tudo isso tem um enorme impacto social, pois vivemos em um sistema único onde dependemos diretamente da natureza (e seu equilíbrio) para sobreviver. O desequilíbrio do meio ambiente gera mais pobreza, fome e desemprego e crise pela falta de recursos. Tudo isso evidencia o quanto a sustentabilidade é urgente para a nossa sociedade hoje.

PUBLICIDADE

"Para sobreviver, precisamos respeitar os limites do planeta e por isso a L'Oréal não se coloca mais em um cenário apenas de crescimento econômico e sim como uma empresa que tem um dever com a sociedade", explicou Colombani. "Por ser a empresa número 1 em beleza no mundo, também é preciso liderar em responsabilidade social e ambiental. É preciso dar o exemplo".


Esse trabalho abriu caminho para a L'Oréal se tornar a única empresa a conquistar triplo A pela CDP (Carbon Disclosure Project) por cinco anos seguidos. No Brasil, a sustentabilidade também é uma das top prioridades da marca e um diferencial estratégico. Um exemplo disso é o certificado recebido pelo Guia Exame de empresas mais sustentáveis do país por três anos seguidos (2017, 2018 e 2019).

Além disso, as metas de L'Oréal Para o Futuro foram definidas alinhadas com 15 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU e de acordo com a iniciativa Science-Based Targets, metas com base científica adotadas pelas empresas para reduzir a emissão de gases de efeito estufa.



Segundo a diretora, a sustentabilidade não pode ser um projeto qualquer dentro de um negócio. É algo extremamente importante e que precisa ser levado a sério dentro das empresas, especialmente na moda.

A sustentabilidade começa dentro de casa

Cada etapa do que é feito tem um impacto que precisa ser analisado – das compras, a criação e produção – a partir de uma lógica mais sustentável. Também é preciso criar um diálogo social e se perguntar como o seu negócio pode impactar positivamente a comunidade na qual está inserido e quais tipos de contribuição que podem ser feitas como empresa.

Confira a seguir alguns pontos levantados na palestra que são importantes para empresas que desejam ser mais sustentáveis:

Transformação da cadeia de valor

Não há como ser sustentável se você não sabe qual é o impacto ambiental e social do seu negócio. É preciso medir esse impacto desde o início. Na L'Oréal, por exemplo, todos os novos produtos ou renovados são avaliados em todo o ciclo de vida.

Se o produto não for desenvolvido de uma maneira sustentável, não adianta fazer outras ações paralelas, pois o mais importante para que um negócio seja sustentável é que ele se integre em uma lógica de melhoria. Não é preciso ser perfeito, mas estar sempre melhorando, desde a maneira como se compra a matéria prima até o tipo de embalagem que será utilizada e a forma como serão feitas as vendas.

Também é preciso pensar na economia circular. Na indústria da moda, por exemplo, é possível doar sobras de tecido para comunidades ou pequenas costureiras, trabalhar com cooperativas de reciclagem, etc. Sempre é possível melhorar e ir além.

Atuação contra as mudanças climáticas

Não basta ter um produto bonito e interessante se ele agride o meio ambiente. É preciso pensar nisso também e não só na produção em si, mas em toda a estrutura do negócio, como os escritórios, ateliês e lojas. Na L'Oréal, 100% da eletricidade é renovável em todas as unidades. E não importa o tamanho da empresa, é sempre possível encontrar soluções. E todo esse esforço agrega valor para a marca e o produto.

Desde a reciclagem e renovação de produtos até a otimização da logística de vendas e entregas podem ser repensados para evitar desperdícios ou emissões de poluentes. O importante é ver onde há poder para melhorar o negócio nesse sentido.



Insight: Sustentabilidade não é sobre branding e comunicação e sim sobre a maneira como o negócio é desenvolvido. Hoje isso é cada vez mais exigido pela sociedade. Um influenciador, por exemplo, não promoverá uma marca porque ela é bonita e legal e sim porque ela agrega algo a mais a sociedade. Isso faz da sustentabilidade o grande diferencial do futuro para empresas de moda.

Protagonismo social

Os projetos sociais precisam estar inseridos no negócio e não ser um uma ação paralela, pois isso terá um impacto muito maior e mais duradouro. Através de ações de valorização das pessoas ao redor – sejam colaboradores diretos ou não – e do compartilhamento de conhecimento que se cria a dinâmica do coletivo.

Dica: se você tem um produto que não pode ser vendido por conta de pequenos defeitos, é possível doá-lo ou realizar parcerias com a comunidade local para que ele possa ser melhor destinado a alguém que precise e possa se beneficiar dele. A ideia é identificar qual é o seu produto e qual tipo de ação social melhor combina com ele.

Insight: As ações sociais nutrem e dão propósito as marcas, então elas precisam sempre caminhar junto do negócio. Compartilhe aprendizado, dê voz a quem não tem, invista na representatividade e você verá sua marca crescer junto a comunidade a qual está inserida e se valorizar ainda mais.

Mais transparência

Toda empresa precisa ter bons canais de comunicação, como um site, para divulgar a maneira como os produtos são desenvolvidos e toda a cadeia que envolve a sua manufatura. É um espaço onde o empreendedor também pode comunicar os valores do negócio, incentivar colaboradores e promover as iniciativas sustentáveis da empresa também com o objetivo de educar seu público.

Hoje a conexão e a transparência de informação são fatores importantes para diferenciar uma marca no mercado.

Começando do zero

A primeira coisa que um empreendedor de moda deve fazer para aplicar a sustentabilidade em seu negócio é entender a essência do mesmo, mapear quantas pessoas fazem parte dele e, principalmente, qual é o ciclo de vida do seu produto, do inicio ao fim. A partir daí será possível identificar todos os pontos que podem ser melhorados, como a escolha de fornecedores, de maquinário correto, etc. Essas primeiras escolhas já são extremamente importantes para a sustentabilidade do negócio.

O respeito das leis trabalhistas e o tipo de ambiente de trabalho também são pontos primordiais para o sucesso da sustentabilidade social dentro de um negócio. Ao compartilhar os resultados positivos com seus funcionários, eles passam a fazer parte da empresa não apenas como executantes de serviço, mas como a essência dela.

Insight: não é preciso muito dinheiro para realizar ações sustentáveis uma vez que há sinceridade por trás dessas iniciativas.

Dica: Incentivar as pessoas que consomem seus produtos a adotarem práticas sustentáveis também é um passo importante para os empreendedores de moda. Sugerir em uma etiqueta, por exemplo, que o comprador doe aquele produto depois, pode surtir ótimos efeitos. Promover atitudes de cidadania e meio ambiente é sustentabilidade.

Conclusão

A sustentabilidade começa mudando o dia a dia, a rotina e a maneira de fazer, criar e interagir com o produto. Não existe tamanho para mensurar esse tipo de atitude. Você pode ser uma pequena empresa de duas pessoas e realizar ações incríveis, basta querer.

O sucesso da sustentabilidade também está em saber modificar a cadeia de valor onde há poder, definindo ações dentro do ciclo de vida do produto para que todo esse impacto e resultados possam ser melhores. É por meio dessa transformação profunda que empresas podem se tornar catalizadoras de mudanças e inspirar as pessoas a agirem em conjunto.

Pequenos e médios empreendedores têm um poder enorme de ação uma vez que eles compram, criam, produzem e vendem. Dentro desse sistema existem diversas oportunidades para melhorar e ser mais sustentável. Por isso é tão importante entender e mapear cada etapa do negócio, pois é única forma possível de conseguir identificar essas oportunidades.

Sustentabilidade não é sobre perfeição. É sobre convicção e sinceridade. E cada pequeno passo conta.




Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.