• ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
Beleza

Cabelos voltam à era de ouro de Hollywood

Ondas bem marcadas, que remontam ao glamour dos anos 1950 e 1960, dominam novamente os tapetes vermelhos. Aqui, tudo o que você precisa saber sobre o penteado da vez.

Foto: Getty Images
PUBLICIDADE

Acompanhar as transmissões de tapetes vermelhos nos dias de hoje é quase como assistir reprises de filmes antigos no TCM. Isso porque grandes nomes do entretenimento, como Anya Taylor-Joy e Amanda Seyfried, têm revivido penteados icônicos das estrelas da famosa Old Hollywood. Esse fenômeno tem explicação: "Essa 'era de ouro' é também um período pós-guerra. É quando historicamente as pessoas costumam buscar mais glamour. Podemos fazer um paralelo com o momento pós-pandemia, onde as pessoas passam a se arrumar mais e a querer trazer mais brilho para o visual", explica Roma, hairstylist do Retrô Hair.

De acordo com Rodrigo Lima, diretor criativo do Circus Hair, esse movimento fica muito claro com essa volta da beleza dos anos 50 e 60, tanto nas passarelas, videoclipes e premiações, quanto em tutoriais nas redes sociais. "Estamos retomando os clássicos, mas também lhes fornecendo novos ares, principalmente pela contribuição das gerações atuais", comenta.

Entre os penteados mais utilizados estão as ondas glamourosas eternizadas por atrizes como Marilyn Monroe e Lauren Bacall. "É um ondulado mais polido, com movimento suave e acabamento com brilho intenso", descreve Roma. Porém, de acordo com o hairstylist, a gente não precisa se prender ao tradicional. "Vale trazer um pouco de desestrutura, fazendo com que os fios não fiquem totalmente alinhados, dando uma bagunçadinha neles mesmo", conclui.

PUBLICIDADE

O segredo para quem quer reproduzir o estilo é, primeiramente, entender a textura e o comprimento dos fios e buscar referências que conversem mais com o seu tipo de cabelo. Veronica Lake, por exemplo, pode ser uma boa inspiração para quem tem ele mais longo, enquanto Sophia Loren pode ser referência para as donas de curtinhos. Para ambos, Diana Ross com certeza tem algum visual que se encaixe. Vale ainda buscar referências nas redes sociais, já que existem diversas influenciadoras que remontam a este estilo retrô.

Independentemente do penteado escolhido, a boa notícia é que, com tantos produtos e ferramentas disponíveis, não precisamos mais passar horas no salão ou até dormir de bobe no cabelo para conseguir reproduzir os visuais. "Alguns são mais fáceis de fazer, outros vão exigir mais prática e preparação. Em todo o caso, é indispensável ter protetor térmico, secador, babyliss e spray para fixação", finaliza Rodrigo.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.