• ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
Foto: Netflix
PUBLICIDADE

Quando tudo parecia ter voltado à normalidade, a turma de amigos de Stranger things está novamente no olho do furacão nos novos episódios da série. Algumas coisas mudaram desde a última vez em que todos estiveram juntos lutando contra forças sobrenaturais dentro do Shopping Starcourt, no fim da terceira temporada, que estreou ainda em 2019.

A família Byers – Joyce (Winona Ryder), Jonathan (Charlie Heaton) e Will (Noah Schnapp) – troca a fictícia Hawkins, em Indiana, por Lenora Hills, na Califórnia. Eleven (Millie Bobby Brown) segue com eles, já que o xerife Hopper (David Harbour) tinha sido dado como morto no final da terceira temporada, mas reaparece em uma prisão na então União Soviética. Em uma nova escola, Eleven atende pelo nome de Jane Hopper e é vítima de bullying, fato que esconde nas cartas trocadas com Mike (Finn Wolfhard). Mas ela logo será convocada para combater forças sobrenaturais fora dali.

Confira a seguir cinco curiosidades da primeira leva de episódios da quarta temporada de Stranger things, que estreia nesta sexta-feira, 27.05, na Netflix (a segunda estará disponível a partir de 01.07), depois de uma espera de três anos.

Stranger Things 4 | Trailer Dublado | Netflixwww.youtube.com


Crescidinhos

Na série, três anos se passaram desde que os amigos se uniram para salvar a humanidade, entre a primeira temporada, ambientada em 1983, e a quarta, em 1986. Mas fora das telas esse mesmo intervalo foi de seis anos, já que a pandemia dificultou as gravações. Resultado: a gangue de Hawkins cresceu a olhos vistos. Os atores Sadie Sink (Max) e Caleb McLaughlin (Lucas) têm 20 anos. A idade dos outros protagonistas varia entre 18 e 19 anos, com exceção de Noah Schnapp (Will), o mais novo, com 17. Mas todos eles interpretam personagens entre 14 e 15 anos.

PUBLICIDADE


Sai a sorveteria, entra a videolocadora

Depois que a sorveteria Scoops Ahoy foi para os ares com o incêndio no shopping Starcourt no fim da terceira temporada, Steve (Joe Keery) e Robin (Maya Hawke, filha dos atores Ethan Hawke e Uma Thurman) vão trabalhar na Family Video, a locadora de filmes em VHS da cidade. O lugar se torna o QG do grupo de amigos que, mais uma vez, tem que solucionar um mistério paranormal que apavora Hawkins. A lista de filmes alugados de um dos suspeitos é a pista que leva a turma a um esconderijo da trama. Fora da locadora, alguns filmes de sucesso anteriores à década de 80 ganham referência na série. No quarto de Max, há um pôster de The endless summer (1965) e, no de Will, há outro Tubarão (1975), um dos primeiros blockbusters de Steven Spielberg.

PUBLICIDADE

Eddie Munson (Joseph Quinn), novo personagem da série


Dungeons and Dragons sob o comando de um novo personagem

A série começa com o sumiço de Will, quando ele voltava para casa de bicicleta depois de uma longa partida de D&D. O jogo criado em 1974 conquistou milhões de adolescentes na década de 80. Na quarta temporada de Stranger things, os adolescentes de Hawkins continuam envolvidos com o jogo de RPG. Mas agora os meninos ganham a companhia do metaleiro Eddie Munson (Joseph Quinn, de Game of Thrones) – seria uma homenagem a Eddie Van Halen? –, novo personagem da trama, líder do clube de D&D da cidade, o Hellfire. Em uma cena no refeitório da escola, Eddie lê para os companheiros de clube, entre eles Mike e Dustin (Gaten Matarazzo), uma reportagem publicada na revista Newsweek que questionava se D&D era uma brincadeira mortal. A matéria realmente existiu. Publicada em setembro de 1985, alertava para os riscos dos jovens ficarem tão envolvidos com seus personagens que poderiam confundir fantasia com realidade. O texto foi criticado na época, como exemplo de como os adultos pareciam não compreender a profundidade do jogo que se transformou num fenômeno cultural, inspirou escritores e influenciou a indústria de videogame.

PUBLICIDADE

Kate Bush - Running Up That Hill - Official Music Videowww.youtube.com


Kate Bush e uma trilha repleta de sintetizadores

A quarta temporada da série oferece uma farta lista de sucessos comerciais de 1985 e 1986, ano em que se desenrola a trama, repletos de sintetizadores. A começar por "You spin me round (Like a record)" (1985), sucesso na voz do andrógino Pete Burns, do grupo inglês Dead or Alive. A canção pode ser ouvida quando Eleven, Mike e Will chegam à pista de patinação cheia de luzes e globos espelhados, uma febre nos anos 80. Outras canções da temporada que são representantes da cena pop-dançante da época são "Rock me Amadeus" (1986), do austríaco Falco,"Tarzan boy" (1985), dos italianos do Baltimora, e "Pass the dutchie", o reggae que foi sucesso com os garotos ingleses do Musical Youth. Mas o destaque fica por conta do hit de Kate Bush, "Running up that hill" (1985), que abriu as portas para a cantora ao mercado estadunidense, com o empurrão do clipe que era exibido constantemente na MTV. Na quarta temporada, a música de Bush ganha um destaque especial na trama. Quem assistir, saberá.

Abewww.youtube.com


O elenco além da série

Impulsionados pelo sucesso de seus personagens em Stranger things, os atores fizeram trabalhos paralelos à série nos últimos anos, começando por Noah Schnapp, o Will, que protagonizou Abe (2019), filme dirigido pelo brasileiro Fernando Grostein Andrade, em que contracena com Seu Jorge. Millie Bobby Brown, indicada ao Emmy de atriz coadjuvante aos 13 anos por sua atuação como Eleven na produção, atuou em dois filmes de ação: Godzilla II - Rei dos Monstros (2019) e Godzilla vs. Kong (2021). Também foi a protagonista que dá nome a Enola Holmes (2020), longa da Netflix em que vive a irmã de Sherlock Holmes. A sequência do filme é esperada para o fim deste ano. Já Finn Wolfhard, o Mike, está no longa When you finish saving the world (2022), que marca a estreia na direção de Jesse Eisenberg, de A rede social. No filme, exibido nesta edição do festival de Cannes, Finn vive um adolescente alienado, que tem uma relação conturbada com a mãe, personagem de Julianne Moore. Enquanto isso, Gaten Matarazzo, o Dustin, emprestou sua voz à animação My father's dragon, da Netflix (sem previsão de lançamento). E Caleb McLaughlin, o Lucas, atuou em Concrete Cowboy (2020), da Netflix, ao lado de Idris Elba. Assim como Matarazzo e Wolfhard, Caleb também tem uma carreira musical.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE

A ELLE Brasil utiliza cookies próprios e de terceiros com fins analíticos e para personalizar o conteúdo do site e anúncios. Ao continuar a navegação no nosso site você aceita a coleta de cookies, nos termos da nossa Política de Privacidade.

Assine nossa newsletter

Doses Semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas as novidades e lançamentos da ELLE no seu inbox.
Increva-se gratuitamente.