Cadastre-se em nossa newsletter para ler este e outros artigos.

Doses semanais de moda, beleza, cultura e lifestyle, além, é claro, de todas os lançamentos da ELLE!
Inscreva-se gratuitamente.

  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER
  • O melhor da ELLE direto no seu inbox! Inscreva-se gratuitamente.
  • INSCREVA-SE AQUI
PUBLICIDADE

Conforto se tornou a palavra de ordem da moda há algum tempo. Ao longo da pandemia, a ideia ganhou ainda mais força e parece que tem tudo para seguir assim por mais um bom tempo. Uma prova disso é a volta das calças legging como uma das principais tendências da temporada. "É uma peça que traz muita versatilidade para quem é multitarefa. Dá para colocar um blazer para trabalhar, seja em casa ou no escritório, um moletom para buscar o filho na escola se quiser uma pegada mais despojada", comenta Carla Catap Strauss, sócia-fundadora da consultoria Assinatura de Estilo.

O fato de estarmos vivendo um revival de várias tendências que eram hit nos anos 2000 conta bastante, aponta a especialista. Como esquecer da febre das leggings por debaixo de saias e vestidos naquela época? A Chanel resgatou essa combinação em seu desfile pre-fall 2021. Gucci, Fendi, MM6 Maison Margiela e Ermanno Scervino também fizeram composições interessantes – e elegantérrimas – com a peça em apresentações recentes.

Diferentemente das meias-calças, que podem até passar batida dependendo do contexto, as leggings trazem sempre uma informação ao visual, marcam presença. "Elas também estão disponíveis em mais tecidos, cores e estampas. Além de serem consideradas mais confortáveis por muita gente", destaca Carla.

PUBLICIDADE

Porém, é uma roupa que performa muito bem sozinha, como parte debaixo, sem nada cobrindo o bumbum. "O que acaba atendendo quem não estava se encontrando nas calças mais larguinhas que dominaram os últimos meses", avalia. A seguir, a consultora de moda apresenta algumas maneiras interessantes de incorporar essa roupa na sua rotina.

Legging básica

Se o foco é a versatilidade, apostar em uma legging básica – de tom neutro, lisa ou mescla – é a melhor escolha. "Ela funciona como uma tela em branco. Pode trazer despojamento para um look formal ou ir para um caminho totalmente esportivo. Tudo depende dos complementos que dá para variar bastante em cada situação usando a mesma peça", avalia Carla.

Com uma bota e um casaco mais pesado você consegue elegância com impacto, por exemplo. Já moletom e tênis são perfeitos para compor um look cem por cento confortável, ideal para um dia corrido. Combine com sandálias e uma blusa mais soltinha e fique preparada para curtir o final de semana. As possibilidades são infinitas, basta ter criatividade e saber seu objetivo.

Edward Berthelot / Getty Images

Legging estampada

Quando a peça é estampada, criar combinações pode parecer um desafio, mas não precisa ser encarado dessa forma. "Para uma pessoa criativa, que quer passar um ar mais moderno, um mix de estampas é muito bem-vindo e não precisa ter muito critério", diz a consultora. Uma calça floral com uma jaqueta meio rococó pode ficar incrível, por exemplo, basta quem está usando se sentir representado por um look cheio de informação.

Porém, se quiser dar uma amenizada no impacto, sem abrir mão da parte de cima estampada, vale se jogar em roupas feita com exatamente o mesmo tecido ou padronagem. "Já reparou que os uniformes, como os de companhia aérea ou escola, são conjuntinhos?", diz Carla. "Sempre há uma unidade, dando a ideia de um olhar mais na vertical, e isso acaba passando uma imagem mais alinhada", pontua.

Também é possível ir por um caminho mais tradicional, optando por elementos neutros para compor com uma estampa clássica, como o xadrez e o poá. Peças lisas com cores presentes na legging criam essa ideia de constâncias, equilíbrio – o que não significa que elas precisam ser discretas. Vale sempre brincar com texturas, acabamentos, volume e afins.

Edward Berthelot / Getty Images

Legging texturizada

"As leggings com textura são muito interessantes para trazer bossa ao look monocromático", destaca Carla. Veludo, vinil, paetê, cetim, tricô são algumas das possibilidades que trazem esse efeito visual a mais sem necessariamente brincar com cores e formas, dando uma quebra singela na homogeneidade.

Essa também é uma boa oportunidade para trazer para o dia elementos que você, a princípio, tem receio, como o brilho. "Já que é um item que veio inicialmente de um lugar casual, é fácil de combinar com itens urbanos, como um tênis ou camiseta branca, é uma ótima maneira de testar sob a luz do sol algo que você usaria apenas na noite", sugere.

Arturo Holmes / Getty Images

Legging esportiva

Mesmo as leggings esportivas podem ser integradas em situações menos informais. Tudo depende sempre do resultado final que se quer chegar. Dá para ser casual, urbano, sofisticado, sexy. São os outros elementos e a forma como eles estão coordenados que farão você chegar lá", reforça a consultora de estilo. Só pela escolha do sapato já dá para definir muita coisa. Salto alto garante sensualidade, coturno denota modernidade, sandália plataforma propõe arrojo e por aí vai.

Edward Berthelot / Getty Images

Onde comprar legging

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE