PUBLICIDADE

Esqueça tudo o que você sabe sobre coletes de tricô. A peça que por anos esteve atrelada a esportes de luxo, nerds da ficção e avôs adeptos de boinas se tornou um dos itens mais desejados do momento. Ao entregar conforto, elegância e uma nova camada, capaz de transformar as roupas que já temos, ela vem se tornando peça-chave dos armários de quem não abre mão do estilo mesmo que seja para tomar um vinho em casa.

Harry Styles é um dos grandes responsáveis por essa virada. Já faz algum tempo que os coletes de lã volta e meia compõem seus looks retrôs, mas um em especial causou um alvoroço. Em 2019, o cantor surgiu com um modelo azul com desenhos de carneirinhos, da marca francesa Lanvin, bem semelhante ao tricô vermelho usado em algumas ocasiões marcantes pela princesa Diana. Logo, réplicas começaram a surgir e até Rowing Blazers, responsável pelo suéter de Lady Di, relançou sua peça no formato original e também uma versão colete com a mesma estampa icônica.

O colete azul da Lanvin de carneirinhos usado por Harry Styles.

Harry Styles usou o colete de carneirinhos da Lanvin em novembro de 2019.

Foto: Getty Images

O colete da Lanvin de carneirinhos usado por Harry Styles.

O colete foi desfilado na Semana de Moda de Paris masculina, na coleção Verão 2020 da Lanvin.

Foto: Agência Fotosite

Tyler, the Creator é outro artista que empregou um ar descolado a esse item que por tanto tempo foi visto como careta, usando coletes em tons pastel em suas aparições em tapetes vermelhos e também criando modelos com estampas divertidas, como margaridas gigantes e paisagens naturais, para sua marca Golf Wang. V e Jimin, integrantes do BTS, gostam de brincar com o estilo preppy de uma maneira arrojada e também ajudaram a despertar o interesse de muita gente por esse corte de tricô.

O colete de tricô nas Semanas de Moda recentes

Victor Boyko / Getty Images

O colete de lã foi um dos destaques do desfile da Dior na Semana de Moda de Paris outono/inverno 2021


A peça também ganhou as passarelas. As semanas de moda do início de 2020 o elegeram como uma das grandes apostas do inverno europeu. Dior, Off-white, Fendi, Gucci e Givenchy foram algumas das grifes que levaram para as passarelas looks compostos com coletes das mais variadas formas. Sobrepondo transparência, ressignificando a alfaiataria e, até mesmo, sem nada por baixo, como peça única em contato direto com a pele.

Deu certo. Fashionistas como Bella Hadid e Kendall Jenner abraçaram com tudo a (praticamente) nova opção de roupa até antes do previsto. Talvez o confinamento tenha adiantando a chegada da peça aos looks do dia dia ainda em 2020, mas é inegável que em 2021 aconteceu de vez a invasão dos coletes nos armários de pessoas do mundo todo.

A hashtag com o termo em inglês #sweatervest reúne, só no Instagram, mais de 91 mil fotos de looks diversos embalados na tendência. No TikTok, são mais de 31 milhões de visualizações em vídeos que a levam na legenda. E a peça sem mangas feita com lã segue ganhando espaços nos desfiles, prometendo ser muito mais que uma febre passageira.

Looks com colete de tricô para se inspirar

Matthew Sperzelg / Getty Images

Onde comprar coletes de tricô

Divulgação

Mnisis

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE