PATROCINADO • CONTINUE ABAIXO

Desde março de 2020 estamos vivendo em uma espécie de limbo. Os que precisam enfrentar as ruas e o risco diário de contaminação falam de coragem e medo. Alguns, talvez para manter um equilíbrio mínimo, seguem em negação. Para os que podem estar em casa os desafios são outros. O tédio, o confinamento, a impotência diante da gravidade das notícias. Em geral, a incerteza mastiga os dias com perguntas sem resposta sobre o que de fato virá.

Há uma busca geral por formas de simbolizar esse momento tão específico de nossa história. Assim como estão sendo produzidas milhões de imagens diárias. Marcadores de um tempo que, parece, tem passado diferente. Entre a pressa de querer pautar uma novidade que ainda não existe e o vício de apostar no retorno a um passado que já não pode ser, o mercado de moda tem se perguntado: o que fazer?

Algumas iniciativas nesse sentido nasceram da necessidade e das limitações impostas pelo isolamento. Logo apareceram milhares de lives, sessões de foto e entrevistas à distância feitas via aplicativos, tela sobre tela, lente sobre lente, fora do alcance das mãos.

Por outro lado, fotografar amigos e familiares ganha um novo significado e apelo renovado. Parece que o peso de uma incerteza aguda tem despertado em muitos a vontade de reafirmar laços, de reconstruir pactos de convivência. Outros registram a vida solitária, lembrando que o dia-a-dia também é feito de detalhes, alguns desimportantes, outros essenciais. Sonhadores, delirantes, escapistas, amantes, surtados, tristes, esperançosos e apocalípticos. Uma multidão de olhos costurando histórias que se unem nisso que chamamos "a pandemia".

Aqui selecionamos 22 fotógrafos de moda que usaram roupas de 22 grifes para criar registros sobre o isolamento. Casas de campo, pequenos apartamentos, grandes cidades, refúgios naturais, os cenários e as realidades são variados. Casais, famílias reunidas, amigos, crianças. Imagens que vão da poesia mais amorosa ao contato com a ideia irrepresentável da morte.



E roupas, roupas que não falam mais de tendências nem de estilos, mas acolhem e protegem corpos, escrevem recados. Roupas feitas no Brasil, por designers brasileiros – um lembrete da importância de apoiar, mas também da urgência de repensar a moda nacional.

Hoje e durante os próximos dias, você verá como a atual realidade impactou algumas das mentes e olhos mais criativos da moda nacional. Tudo foi feito nos últimos meses, respeitando as recomendações de saúde, com todos os obstáculos logísticos que isso impõe. Todos os fotógrafos vestiram e registraram apenas aqueles que estão vivendo com eles durante a quarentena. As roupas foram enviadas para cada um deles higienizadas e via portadores que seguiram todas as regras de segurança, sem contato. Novos protocolos para tempos de risco.

Todos os 22 ensaios serão publicados aqui no site ao longo dos próximos dias. Gostamos de pensar neles como sonhos ou fragmentos de viagens imaginárias, que podem ser bonitos, assustadores ou apenas inspiradores à sua maneira. Convidamos vocês a observá-las com calma e trazerem suas impressões. Vamos?

Foto de Bob Wolfenson vestindo Neriage

Bob Wolfenson

Bob Wolfenson

Foto de Bruna Castanheira vestindo Aluf

Bruna Castanheira

Foto de Nicole Heiniger vestindo Paula Raia

Nicole Heiniger

Foto de Nicole Heiniger vestindo Paula Raia

Nicole Heiniger

Foto de Paulo Vainer vestindo Reinaldo Louren\u00e7o

Paulo Vainer

Foto de Wallace Domingues vestindo Rodrigo EvangelistaWallace Domingues
Foto de Wallace Domingues vestindo Rodrigo Evangelista

Wallace Domingues

Foto de Debby Gram vestindo David Lee

Debby Gram

Foto de Gleeson Paulino vestindo Jo\u00e3o Pimenta

Gleeson Paulino

Foto de Gleeson Paulino vestindo Jo\u00e3o Pimenta

Gleeson Paulino

Foto de Carine Wallauer vestindo Fernanda Yamamoto

Carine Wallauer

Foto de Henrique Gendre vestindo UP;Majuisi

Henrique Gendre

Foto de Rafael Barion fotografando Thiago Pethit usando \u00c0 La Gar\u00e7onne

Rafael Barion

Foto de Andreia e Nathalia Takeuchi usando Amap\u00f4

Andreia e Nathalia Takeuchi

Foto de Andreia e Nathalia Takeuchi usando Amap\u00f4

Andreia e Nathalia Takeuchi

Thais Vandanezi usando Piet

Thais Vandanezi

Leo Faria com Modem

Leo Faria

Luiza Ananias fotografa Printing

Luiza Ananias

\u200bMarina Benzaquem fotografa Handred

Marina Benzaquem

\u200bMarina Benzaquem fotografa Handred

Marina Benzaquem

Pedro Pinho fotografa \u00c3O

Pedro Pinho

Marcio Simnch fotografa Ellus

Marcio Simnch

Mar+Vin\u200b fotografa Emanuelle Junqueira

Mar+Vin

Mar+Vin\u200b fotografa Emanuelle Junqueira

Mar+Vin

Juh Almeida fotografa Isaac Silva

Juh Almeida

Rogério Cavalcanti

Diego de Bonfim

O editorial Fullgás foi retirado do site a pedido da fotógrafa.

Ao longo de quase dois meses, ELLE Brasil conversou com mais de 40 profissionais diretamente afetados pela crise da covid-19. O resultado é uma série de reportagens com relatos profundos de uma indústria desesperada por esforços coletivos.


Vivian Whiteman publica quinzenalmente uma sequência de cartas que começa na quarentena e não tem prazo para acabar. Uma correspondência sem destino certo sobre hábitos, modas, sentimentos, notícias e memórias de um tempo em transformação.


A gente sabia que seria bom, mas não imaginava que ia ser TÃO BOM. Com escolhidos do Rio Grande do Sul ao Pará, dos 18 aos 75 anos, o open casting que marca a volta da ELLE está apenas maravilhoso.

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A REVISTA DIGITAL E IMPRESSA DA ELLE BRASIL!