Bob Wolfenson fala sobre moda, Instagram e enchente

Prestes a completar 50 anos de carreira, o fotógrafo discute os impactos da pandemia, reflete sobre aposentadoria e relembra a inundação que atingiu seu acervo em fevereiro: "Renasceram coisas que estavam mortas".

Diários do entremundos

Reunimos 22 fotógrafos e 22 marcas de moda brasileiras em uma série de ensaios sobre isolamento, criatividade, afeto e desejo de novas realidades

PUBLICIDADE

Onde voas bem alto eu sou o chão

Neriage por Bob Wolfenson

Tenha acesso a conteúdos exclusivos
ASSINE A ELLE